JC Imoveis

Projetos aprovados pelo legislativo trarão benefícios aos itaipulandienses

Postada em: 28/11/2018 Atualizada em: 28/11/2018 09:31:57 Número de visualizações 321 visualizações
LinkedIn whatsapp
Projetos aprovados pelo legislativo trarão benefícios aos itaipulandienses

Uma boa sintonia entre executivo e legislativo é sinônimo de benefício para os munícipes. Isso por que foi aprovado nesta segunda-feira (26), pela Câmara de Vereadores de Itaipulândia, diversos projetos considerados de suma importância. 

Um destes projetos o 89/2018 trata-se de abertura de crédito adicional para realização de cursos pelo SENAI, sendo eles: Unidade Móvel de Panificação e Confeitaria; Unidade Móvel de Manutenção de Motocicleta; Modelagem industrial Masculina e Corte Industrial para Confecção.

Projeto de Lei 92/2018 para abrir crédito, onde os recursos advém da Secretaria de Saúde do Estado e podem ser utilizados no combate à dengue e outras doenças;

Projeto de Lei 93/2018 para abertura de crédito para aquisição de material permanente e material de consumo para suprir as demandas da secretaria Municipal de Saúde;

Outro Projeto de Lei 94/2018, autoriza o executivo para aquisição de uniformes escolares para todos os alunos da rede municipal de ensino e para alunos do Projeto Guarda Mirim;

Projeto 95/2018 autoriza aquisição de material hidráulico para manutenção de rede de água potável do interior do município e contratação de pessoa jurídica para construção de bases para caixa de água;

Projeto de Lei 96/2018 que altera dispositivos da Lei 1.275/2013, beneficiando os munícipes através do Programa Minha Casa Minha Vida;

Projeto de Lei 97/2018 que institui o Programa Fortalece Itaipulândia. O programa consiste no aporte financeiro como garantia e fomento aos empreendedores do município, além de auxiliar o pagamento dos juros em até 90% da taxa das prestações que estiverem em dia.

Os dois poderes envolvidos, tanto executivo quanto o legislativo, entendem que todos estes projetos trarão benefícios aos moradores, e por isso os mesmos foram enviados pelo executivo e de pronto analisados pelas comissões e colocado em votação e aprovação pelos vereadores.


Fonte: Assessoria

Compartilhe:
LinkedIn whatsapp