Alarmil

Desfile Cívico em Missal reflete sobre o desafio da família e da escola pela Educação

Postada em: 09/09/2019 Atualizada em: 09/09/2019 15:31:46 Número de visualizações 389 visualizações
LinkedIn whatsapp
Desfile Cívico em Missal reflete sobre o desafio da família e da escola pela Educação

A cada dois anos o município de Missal realiza o Desfile Cívico de 7 de setembro. Neste ano o tema foi “Família e Educação: Desafio de Todos”. Foram 26 pelotões desfilando, sendo as instituições de ensino, entidades e setores da Administração Pública. Todos traziam alguma referencia ao tema, fazendo diversas reflexões importantes.

A mensagem da Administração Municipal de Missal foi que o mais importante para uma educação de qualidade começa na família, o amor à Pátria começa na família, continua na escola e se percebe na comunidade. O objetivo é reforçar o espírito patriota em todos os cidadãos. Dessa forma, agradece e parabeniza a participação das escolas e entidades municipais que contribuem para o desenvolvimento do município.


O Desfile

Um grande público prestigiou o desfile cívico que iniciou na Avenida Dom Geraldo Sigaud na altura da Rua Cerro Largo, sendo concluído em frente ao Palco, na praça Eugênio Schneiders, onde estavam posicionadas as autoridades. 

Entre as autoridades, o Prefeito Eduardo Staudt, o Presidente da Câmara, Valentin Kniphoff e vereadores, Secretária de Educação, Clarice Friedrich e secretários, autoridades religiosas, forças de segurança e as representantes da beleza missalense, como Miss Paraná e as misses Missal, soberanas da Deutsches, Casal Fritz e Frida e Vovô Charmoso e a mais bela idosa.

Abrindo o desfile a Polícia Militar, acompanhados dos participantes do projeto polícia militar mirim, além da polícia civil e Conselho Comunitário de Segurança. Em seguida o fogo simbólico, conduzido pelos atletas do departamento de esportes e entregue ao prefeito Eduardo. Os pavilhões, nacional, estadual e municipal, foram conduzidos pelas soberanas da Deutsches Fest entregues as autoridades no palco.  

Os centros municipais de Educação Infantil, Sementes do Amanhã, Divina Providência e Pequeno Príncipe também desfilaram. A Escola de Educação Especial, a Apae de Missal veio logo em seguida. O Departamento de Cultura e o Departamento de Esportes também trouxeram para a avenida uma amostra do trabalho desenvolvido.

A secretaria Municipal de Assistência Social contou com a participação de representantes do Conselho Municipal do Idoso, Coral Voz Ativa, Voleibol Gigante, Grupo de Dança da 3ª Idade, Grupo de Bolão, Voluntários do Provopar Municipal, Coral Infanto Juvenil Encantar, Conselho Municipal da Mulher, Conselho Tutelar e curso de informática.

As escolas da rede municipal de Educação estiveram todas representadas pelos alunos, com a participação da família sempre remetendo ao tema proposto, com muita criatividade. A primeira Escola a desfilar foi a Novo Milênio, em seguida a Escola Municipal Renascer, Escola Municipal Antônio Raposo Tavares de Vista Alegre, Escola Municipal Joaquim Nabuco de Dom Armando, Escola Rural Municipal Epitácio Pessoa de Linha Jacutinga, Escola Municipal Olavo Bilac do Portão Ocoí. 

As Escolas Estaduais do Campo (Aurélio Piloto de Vista Alegre, Caetano de Conto de Linha Jacutinga, Santos Dumont da Linha São Pedro, Tancredo Neves de Dom Armando Teotônio Vilela de Portão Ocoi) e o Colégio Estadual Pe Eduardo Michelis também trouxeram diversas reflexões sobre o tema, e algumas entregaram mudas de plantas as autoridades.

Desfilaram ainda os servidores da Secretaria Municipal de Saúde, e os motoristas do transporte escolar e universitário de Missal, da Associação Comercial e Empresarial de Missal (Acimi), a Associação dos Mateadores e o CTG Porteira Nova. No encerramento as balizas seguidas da Fanfarra Municipal, que fizeram a alvorada as 6h da manhã e a partir das 8h até o final do desfile conduziram com as batidas tradicionais de Fanfarra.

Após a execução dos hinos, nacional e do município, o Prefeito de Missal, Eduardo Staudt, fez seu pronunciamento agradecendo o envolvimento de todos e remetendo ao tema proposto como fundamental apara uma sociedade mais justa, fraterna e solidária, uma parceria entre família e escola que traz bons frutos para a comunidade.

Fonte: Assessoria

Compartilhe:
LinkedIn whatsapp